Link para página

Campanha Esterelizacao

A esterilização de animais de companhia assume cada vez mais relevância, quer ao nível do bem-estar animal, quer como forma de combater o abandono dos animais de companhia, quer ainda garantindo que os centros de recolha oficial de animais municipais não fiquem sobrelotados.

Esterilize o seu animal de companhia e combata o abandono!

UM ANIMAL DE ESTIMAÇÃO É UM AMIGO PARA A VIDA

Vídeo produzido pelo Município através da Campanha de ações de Sensibilização para os benefícios da Esterilização, no âmbito do Despacho 9834-A/2020 de 12 de outubro.

 

Conhece as vantagens da esterilização e da castração?

Fêmeas

● As fêmeas deixam de ter cio e consequentemente evitam-se os comportamentos de ansiedade e irritabilidade associados ao mesmo;

● Impede o nascimento de ninhadas indesejadas e consequentemente a sobrepopulação canina e felina. A esterilização dos animais de estimação com tutor é o passo mais importante para diminuir o excesso de animais errantes;

● Reduz a probabilidade de desenvolvimento de tumores mamários, sobretudo se realizada nos primeiros anos de vida da cadela/gata;

● Reduz as fugas das fêmeas para o exterior, diminuindo assim os ferimentos resultantes de traumas (ex: atropelamentos e lutas) e a possibilidade de contágio com doenças infeciosas;

● O custo da cirurgia é inferior ao da administração prolongada da pílula.

Machos

● Evita o nascimento de ninhadas não planeadas;

● Atenua os comportamentos de ansiedade e nervosismo quando uma fêmea em cio está por perto;

● Pode abrandar a agressividade entre os machos e reduz a marcação territorial;

● Diminui as fugas de casa e os riscos associados às mesmas (ferimentos e contágio com doenças infeciosas);

● Reduz o aparecimento de tumores e de infeções do sistema reprodutor masculino;

● Diminui a probabilidade dos cães desenvolverem hiperplasia benigna da próstata e os problemas a ela associados;

● O animal pode tornar-se mais meigo e tranquilo, no entanto, é importante não esquecer que muitos dos machos que sejam agressivos por outros motivos, como por exemplo, por medo, não sofrem alterações comportamentais após a castração.